quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

cair, levantar, e voltar a caminhar


Esse é um daqueles dias, onde eu fico vários minutos na frente da mesma página de edição de post, e não consigo escolher bem que palavras usar.
Vou fazer o que eufaço sempre.
Ser direta, e simples.

Eu reprovei.

Ainda é bem difícil pra mim usar essa frase.
Mas é verdade.
Eu não passei, e ano que vem eu farei pela segunda vez o segundo ano.

Segunda-feira, no colégio, eu fui meio receosa, quieta dentro do carro.
Tentando me preparar para a notícia que mudaria todo meu 2010, parece que a preparação nao foi suficiente.
Quando abri o boletim e ví a palavra 'REPROVADA', o chão ficou meio mole, e eu tive que me segurar no braço da minha mãe pra não cair.

Até sair do colégio permaneci estática.
Não falava, não me movia normalmente.
Parecia uma boneca de pano, se arrastando pela calçada, tentando parecer normal.

Ao sentar no banco do carro, eu finalmente desabei.
E por alguns minutos, pensei que seria melhor eu morrer, do que ter de passar a vergonha de fazer o segundo ano de novo.

Mas graças a Deus, eu tenho uma mãe maravilhosa, que está sempre do meu lado, me apoiando, mesmo quando eu nao mereço.
Minha mãe é demais.
E coicidentemente, ela também reprovou no segundo ano do ensino médio.
É, ela me entende.

E é opr causa dela, que eu estou me mantendo tão calma.
Pelo menos por fora.
Jamais deixaria transparecer.
Meu orgulho é maior, mesmo ferido.

Esse é aquele momento em que eu digo:
Podem me apedrejar.
Eu mereço, e vou aceitar todas as pedras de peito aberto.

Eu sou uma merda.
Uma repetente idiota.

Mas a merda vai dar a volta por cima.

Ano que vem eu ainda vou estar no segundo ano.
Vou morrer de vergonha de ter 17 numa sala onde a maioria tem 16.
Mas eu mereço, e vou aceitar.

Logo tudo vai ficar bem.
Eu espero.

7 comentários supimpas:

Haana disse...

você não precisa ficar assim, acontece, como poderia acontecer com qualquer um, agora o jeito é você erguer a cabeça, se conformar e fazer o segundo ano denovo, pensa que dessa vez você vai ter a chance de aprender o que você não entendeu em 2009 :/

Regina disse...

Amie, primeira vez que eu comento aqui... e eu só queria te dizer uma coisa: força!
Pelo o que leio aqui no seu blog, já percebi que você tem muita personalidade! Use isso a seu favor! Comece e termine o segundo ano da melhor maneira possível! Mostre pra todos (principalmente pro idiota do seu professor de matemática) que você consegue, que você é forte o bastante! Sei que parece estranho, principalmente vindo de alguém que nem te conhece, mas eu confio em você!

Boa sorte nessa sua volta de caminhada...

Beijos!

Caio Timbó disse...

Estudei todo o meu ensino médio com um cara 3 anos mais velho que eu. Se vc não estudar com idiotas(inevitável) nem vai reparar nisso. E estudei com as minhas irmãs na mesma sala (eu sou o caçula) e ainda terminei antes qu elas e elas nem sentiram nada. Ainda estão vivas

Isa Zaoldyeck disse...

Força Amie! Não ligue se te rotularem de "burra". Leio seu blog há alguns meses e sei que você pode ser muitas coisas, mas nunca burra! Você é uma daquelas pessoas brilhantes que esse sistema de ensino ineficaz (e idiota) não consegue identificar. Torço por você ♥

Aline Caramori disse...

Amélie. Você não me conhece, mas eu leio o seu blog mais ou menos à um ano, e pelo que percebi, uma coisa é certa. Você é extremamente inteligente, não tem papas na língua e tem seu orgulho, sem ser narcisista. Isso parece da boca pra fora, só um consolo.. mas e se não foi melhor assim? e se você, só reprovando, conseguir aprender o que deixou escapar?. Já visitei o teu orkut, e pelo que vi você tem muitos amigos. Eles devem estar te dando uma força e tals, mas pelo que vi, você fez o principal. Ergueu a cabeça e desafiou as pessoas que podem te chamar de burra pelas costas. Sei como é difícil, minha melhor amiga reprovou. Castigo? não passou perto. não adianta também passar a mão na cabeça. agora, é curtir ao máximo das tuas férias e aproveitar, para que no ano que vem você seja a melhor da turma e esfregue na cara desses bando de merdinhaaas! hehe. desculpa por não comentar sempre, mas te admiro bastante. beijos Amie.

Renata disse...

Amie. poxa, espero que voce recupere isso ano que vem.
Agora não adianta ficar se lamentando, é hora de ter força e de pensar: Ano que vem vai ser melhor e esses idiotas vão ver :D
Pelo que leio seu blog ja alguns meses,e voce tem sua personalidade forte, e muitos veem isso como arrogancia ou coisa do genero,e te prejudicam depois.
Mas 2010 voce vai ser melhor do que ja é. E todos vão ter que te engolir, vendo a besteira que fizeram.
Boa Sorte, adoro seu blog.

Karina Rolim disse...

Prima, eu te invejo.
Não, não pelo fato da reprovação. Mas pelo fato da mãe maravilhosa e compreensiva que você tem. Minhas primas lindas (3 que moram na sua casa). Pois se eu reprovasse, nossa, tenho medo de Pensar no que minha mãe faria.
Não sei se cheguei a contar a você, mas na quarta série, cheguei toda feliz em casa, com minha prova de matemática: Olha mãe, tirei 9,0, a segunda maior nota da sala.
Minha mãe: 9,0??? Você deveria ter tirado 10,0, tem que ser a melhor. Por que você acha que eu e seu pai damos duro?! Para voce dar duro na escola, ser a melhor em tudo.

Já entendeu o trauma né.
e nas minhas reprovações nos vestibulares, muitos esporros e sermões.
Enfim, a gente vai levando a vida.